Casa Curta-SE

topo do site

Sessão "Pequeno Cientista" une cinema e debate na programação do FICI

FICI_2015._16.10.2015_Foto_Ivve_Rodrigues_11Certas vezes, crianças e adultos têm dificuldades em controlar e entender suas emoções e sentimentos. Pensando nisso, o Festival Internacional de Cinema Infantil (FICI) trouxe na sessão “O Pequeno Cientista”, o filme “Divertida Mente” e propôs um debate sobre a relação do filme com o psicológico do ser humano

 

Na ocasião, os espectadores foram orientados pela psicóloga Luana Vieira. A atividade foi apresentada em duas sessões, às 9h30 e às 14h no decorrer desta sexta-feira, 16, no Cinemark Jardins.

 

Ao término da sessão, os temas abordados no filme viraram matéria-prima para o debate da plateia. A ideia de “O Pequeno Cientista” é atrair os jovens para o mundo científico abordado no filme, cujos FICI_2015._16.10.2015_Foto_Ivve_Rodrigues_3detalhes foram explicados pela especialista.

 

Segundo Luana Vieira, mediadora do debate, “Divertida Mente” é um filme de fácil entendimento e muito utilizado dentro da linguagem da psicologia. “O filme se aproxima demais da temática que a psicologia lida, que é essa administração dos sentimentos e emoções. Uma questão biológica e química é transformada em uma linguagem divertida e acessível. É um filme tanto para a criança como para o adulto”, explica.

 

O Filme


FICI_2015._16.10.2015_Foto_Ivve_Rodrigues_16Divertida Mente é uma animação que mostra Riley uma menina guiada pelas emoções – Alegria, Medo, Raiva, Nojinho e Tristeza. As emoções vivem no centro de controle dentro da mente de Riley e a ajudam com conselhos. Embora Alegria, a principal e mais importante emoção, tente se manter positiva, as emoções entram em conflito sobre qual a melhor maneira de viver em uma nova cidade, casa e escola.

 

Para a pedagoga Rubia Virginia, as crianças ganharam conhecimento e oportunidades graças ao FICI. “Os trouxemos aqui para que eles fizessem parte da questão cultural. Muitos nem conheciam o cinema e hoje puderam debater os assuntos do filme e também ver curtas ganhadores de prêmios. Foi uma oportunidade para eles conhecerem o mundo que o cinema pode oferecer”, conta.

 

FICI_2015._16.10.2015_Foto_Ivve_Rodrigues_20Prêmio Brasil de Cinema Infantil


Neste sexta, 16, também foi possível se encantar com os melhores curtas nacionais, de todas as regiões do país. Foram apresentados os vencedores do Prêmio Brasil de Cinema Infantil 2015. Divididos em três sessões de acordo com as categorias premiadas os curtas foram exibidos oferecendo uma visão das melhores e mais recentes produções dedicadas ao público infantil e de seus talentosos criadores.

 

A oitava edição do Prêmio Brasil de Cinema Infantil bateu recordes em 2015: foram 167 inscritos e 19 curtas-metragens selecionados para compor as sessões Histórias Animadas, Histórias Curtas e Mostra Teen dentro do Festival Internacional de Cinema Infantil.

 

FICI_2015._16.10.2015_Foto_Ivve_Rodrigues_2FICI 2015


Em 2015 o festival conta com patrocínio do Ministério da Cultura, Governo do Rio de Janeiro, Secretaria de Estado de Cultura, Lei Estadual de Incentivo à Cultura do Rio de Janeiro, Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro, Secretaria Municipal de Cultura, Petrobras, Oi, BNDES, Outback e RioFilme, e com exclusividade na Rede Cinemark, em cinco cidades brasileiras. A realização é da Copacabana Filmes e Esmeralda Produções. Em Aracaju, a produção é da AVBR Produções e conta com o apoio local da Casa Curta-SE, Superlux, TV e FM Sergipe, KJM, Shopping Jardins e Deso.

 

Por Demétrius de Oliveira e Victor Hugo Oliveira

Fotos: Ivve Rodrigues 

Anote

fone2_menor

A Casa Curta-SE está com novo telefone. 

Anote: (79) 3085-7416.

 

ico_twitterico_youtubeico_faceboock

Centro de Estudos Casa Curta-SE

Rua O dois, n. 61, conj. A Franco, Bairro Farolândia, Aracaju-SE

CEP: 49030-296

Endereço postal:

Praça Dep. Pedro Barreto de Andrade, nº 75, Conj. A. Franco, Bairro Farolândia, Aracaju-SE

 Caixa Postal 3825